Seção

Mercado

Na mira dos GIGANTES

Setor de extrudados da Hydro Aluminium se expande no Brasil

29/05/2016

Perfl de alumínio extrudado para aplicação na construção civil

Presente em um número crescente de empreendimentos dos mais diversos portes e categorias, o alumínio firma-se como material de importância estratégica no contexto de intenso aquecimento da construção civil no País. Motivada pelo bom momento vivido pelo mercado brasileiro de extrudados, a multinacional Hydro Aluminium anunciou recentemente um investimento de U$ 80 milhões (cerca de R$ 120 milhões) na instalação de uma quarta prensa em sua fábrica no País, localizada em Itu, no interior de São Paulo.

 

 


Além de ampliar o leque de produtos da empresa em um mercado com demanda crescente por produtos de alumínio, a expansão deverá aumentar a capacidade de atendimento e ampliar o portfólio da empresa. “O excelente desempenho apresentado pelo mercado brasileiro de extrudados nos últimos anos, somado às perspectivas positivas para os que estão por vir, nos apontou a necessidade do investimento. A intenção da Hydro é ganhar market share em alguns nichos 
específicos”, afirma Adilson Molero, engenheiro de aplicação de produtos da Hydro. “Queremos estender nossos limites de fabricação para apoiar o crescimento de nossos clientes, além de entrar em novos mercados, desenvolver novos aplicações e reforçar a qualidade de produtos e serviços.”

 

 


O valor investido será aplicado na compra e instalação da nova prensa de extrusão, além da construção do prédio e a instalação de equipamentos auxiliares necessários. “A nova prensa será a maior das três que já operam na planta de extrusão da Pedro no Brasil”, afirma Erivam Boff, diretor comercial de extrudados da Hydro. Uma das prensas já instaladas é voltada para componentes e tubos de alta precisão. As outras duas atendem os mercados da construção civil e de bens de consumo, além da indústria elétrica, de máquinas e de equipamentos e transportes. “O porte da prensa permitirá a produção de perfi s de alumínio com maior largura e comprimento, principalmente para o segmento de transporte”, acrescenta o diretor.

 

 


A conclusão das obras, com a prensa já em funcionamento, está prevista até janeiro de 2013. “Nós temos grandes ambições – assim como nossos clientes – e
a nova prensa nos levará a um outro patamar”, diz Ivar Venås ?, que lidera as atividades de extrusão da Hydro na América do Sul. Para ele, há “um amplo espaço” para o avanço do uso de perfi s extrudados de alumínio no Brasil, onde o consumo anual per capita não chega à metade do americano.

Deixe seu comentário