Seção

Produtos

IRWIN apresenta soluções para armazenamento e transporte de ferramentas

É importante guardar e carregar de forma adequada os equipamentos para aumentar a durabilidade e reduzir o esforço das atividades

05/01/2017

O armazenamento adequado de ferramentas é fundamental para sua conservação. Mesmo o melhor produto disponível no mercado pode ter o seu tempo de vida útil reduzido se for guardado em condições inapropriadas.

O transporte também é importante. Se as ferramentas estiverem bem acomodadas, em um recipiente resistente, a chance de que elas sejam danificadas em batidas e quedas diminui. Além disso, para o profissional, faz muita diferença ter todas as ferramentas e acessórios à mão, garantindo agilidade na hora de realizar os trabalhos.

Por esses motivos, a fabricante de ferramentas e equipamentos para profissionais IRWIN investe em caixas organizadoras, mochilas e cintos para ferramentas. “Um profissional organizado transmite mais confiança. Os melhores profissionais precisam das melhores ferramentas. E as melhores ferramentas precisam de soluções apropriadas de transporte e armazenamento”, acredita Alessandro Gonçalves, Gerente Sênior de Marketing Latam da IRWIN.

A caixa baú CART 240 tem capacidade para armazenar ferramentas elétricas e manuais e suporta até 40 kg. Como ela possui rodas emborrachadas e alça metálica retrátil, a movimentação de ferramentas fica muito mais fácil, mesmo com o peso máximo. A tampa deslizante tem sistema rápido de abertura e fechamento e um orifício para cadeado, que dá mais segurança. A composição em polipropileno virgem garante a durabilidade e resistência.

A caixa organizadora sanfonada IB200 tem três níveis, o que facilita o acesso aos materiais, de forma rápida e organizada, e 16 divisórias destacáveis, que permitem alterar o layout de acordo com a necessidade e o tamanho das ferramentas transportadas. O fechamento é garantido por travas metálicas de alta qualidade. Indicada para o transporte de ferramentas de menor porte, a caixa suporta até 15 kg. Também é feita em polipropileno virgem, mais resistente e durável.

Uma alternativa mais compacta é a mochila com base emborracha. Ela tem dois grandes bolsos com zíper e diversos compartimentos internos, além de 12 encaixes externos para ferramentas longas. Em uma mochila tradicional, as ferramentas ficam soltas e amontoadas. Nesse modelo, a organização e o cuidado com os equipamentos estão garantidos. A base emborrachada é a prova d’água, protegendo as ferramentas mesmo que a mochila seja colocada em um canteiro de obra molhado depois uma chuva. Os compartimentos maiores permitem a fixação de cadeados. Na parte traseira, o acabamento é respirável, o que aumenta o conforto e diminui o calor no contato com as costas. As alças são reforçadas, a alça de mão é almofadada.

Por fim, o cinturão para ferramentas é ideal para a realização dos serviços. Com os equipamentos à mão, as tarefas ficam mais práticas. Eles vêm em diversos modelos, cada um com uma disposição e quantidade de compartimentos ideal para cada tipo de profissional. Os bolsos são reforçados em couro, garantindo maior durabilidade, os cintos têm sistema de fecho rápido.

Deixe seu comentário