Seção

Feiras e Eventos

Glass in the gulf 2011

Indústria vidreira do Oriente Médio se reúne em Abu Dhabi para o maior evento do setor na região

02/08/2016

Um dos projetos arquitetônicos mais emblemáticos de Abu Dhabi, a Capital Gate Tower é o edifício mais inclinado do mundo e ostenta 21 mil m² de vidro. As 12 mil placas foram moldadas manualmente

Considerada o evento de maior audiência no Oriente Médio, entre fornecedores de maquinários, equipamentos e matéria-prima para a indústria vidreira mundial, a Gulf Glass 2011 foi realizada entre os dias 7 e 8 de março, em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes Unidos. Principal feira do mercado vidreiro na região, a Gulf Glass apresentou a seus visitantes as últimas novidades do setor, ganhando contornos de importante vitrine de negócios para empresas do mundo todo. “Em 2009, a feira reuniu cerca de 2.500 profissionais do setor e, este ano, estimamos que cerca de 3.500 pessoas tenham prestigiado o evento, que contou com mais de duzentos expositores cadastrados”, afirma Dominic Morris, gerente de marketing da Asian Glass, mídia oficial do evento.

 

Em sua quarta edição, a Gulf Glass transformou-se no mais abrangente evento vidreiro do Oriente Médio. “Este ano, tivemos uma lista de expositores muito diversificada, com empresas fortes de todos os segmentos. A Gulf Glass se consolida como um evento voltado para a indústria vidreira como um todo”, ressalta Morris. Em seus três primeiros anos, a feira foi realizada em Sharjah, cidade vizinha a Dubai. “De lá para cá, a dinâmica da indústria vidreira na região sofreu algumas mudanças e seu foco foi se distanciando do centro comercial de Dubai para se concentrar em Abu Dhabi, um novo polo de crescimento”, explica o executivo. Entre os destaques da Gulf Glass 2011, a Emirates Glass LLC (EGL), uma das maiores processadoras da região no ramo do vidro plano para a arquitetura e subsidiária da Glass LLC, da Dubai Investiments (DI), reservou para a feira o lançamento do VitroGlaze, um vidro eco-friendly com um tratamento químico em sua superfície que o mantém livre da sujeira. “O produto recebe um tratamento permanente que impede a aderência e acúmulo de agentes que contaminam o vidro. Suas propriedades repelentes à água e ao óleo eliminam a necessidade de soluções químicas agressivas e reduzem em 90% o tempo de limpeza do vidro”, afirma o vice-presidente de marketing e vendas da Glass LLC, Ziad Yakbeck.

 

Futuro promissor para o vidro

 

Após o período de crise econômica por que passou a Oriente Médio nos últimos anos, o mercado da região acena com boas perspectivas mais uma vez. “A indústria da construção no Oriente Médio, na Península Arábica e no norte da África tem experimentado forte crescimento, acompanhado de uma crescente utilização do vidro e da adoção de novas tecnologias, que têm impulsionado projetos arquitetônicos inovadores”, ressalta Morris. “O consumo do vidro tem aumentado substancialmente em todos os segmentos, do vidro plano às embalagens, o que restaurou a confiança nesse mercado e em Abu Dhabi como o principal centro das atividades vidreiras.”

Deixe seu comentário