Seção

Feiras e Eventos

Conforto e dinamismo no trabalho

Quinta edição da Casa Office evidencia multifuncionalidade do vidro

22/06/2016

Espaço Camaleão. Em busca de amplitude e dinamismo, a arquiteta Moema Wertheimer usou espelhos Guardian de 4 mm no teto, processados pela Speed Temper

É notória entre arquitetos e decoradores a tendência de buscar na diversidade tecnológica do vidro formas criativas de atingir diferentes objetivos estéticos e funcionais em projetos de escritórios e outros espaços corporativos. Cada vez mais, esses ambientes encontram nos vidros uma solução abrangente para agregar diferentes benefícios, de conforto e sofisticação a integração e versatilidade, propiciando soluções criativas e eficazes para dividir áreas individuais e compartilhadas. Seja qual for o intuito, conferir amplitude ou promover visibilidade e privacidade em espaços mais reservados para reuniões, a aplicação de vidros e espelhos em portas, paredes, guarda-corpos, janelas divisórias e até mesmo no teto já se consolidou como recurso primordial no universo da arquitetura corporativa. É o que mostrou a quinta edição da Casa Office, realizada pelo Grupo Casa Cor entre 26 de novembro e 9 de dezembro passados. 

 


O evento contou com um time estrelado de profissionais do segmento, que esbanjou inteligência e sofisticação em suas criações, revelando um novo conceito de ambientes integrados. O dinamismo continua, mas os momentos de privacidade ganham nova importância. E o vidro, claro, reafirma seu papel estratégico nos 10 generosos projetos da mostra, que ocupou 3.687m² em dois andares do edifício Cidade Jardim Corporate Center, em São Paulo.  

 

Casa Office

Nas ilhas de trabalho do ambiente Bank, a arquiteta Fernanda Marques optou pelos temperados de 10 mm, também da Guardian, para compor as divisórias especiais na cor azul que definem os setores e mantêm a integração. As chapas foram beneficiadas pela Cyberglass

 

Deixe seu comentário