Seção

Fique por Dentro

A Guardian Glass ampliará a capacidade de produção da unidade de Porto Real, no Rio de Janeiro

O projeto aumentará a capacidade de produção da planta e melhorará produtos e serviços para apoiar seus clientes

07/04/2017

A Guardian Glass, uma das maiores fabricantes mundiais de float (vidro comum) e produtos e soluções de valor agregado, iniciará um importante projeto para reparar o forno e expandir a produção de vidro na unidade de Porto Real, no Rio de Janeiro.
O projeto aumentará a capacidade de produção da planta e melhorará produtos e serviços para apoiar seus clientes.
"Este investimento reforça nosso compromisso em criar valor aos clientes e às comunidades que servimos", diz Rick Zoulek, vice-presidente da Guardian Glass Americas. "O projeto expandirá a capacidade da Guardian de atender clientes no Brasil e em países vizinhos com vidro de alta qualidade".
"A Guardian iniciou suas atividades no Brasil em 1994, com a abertura de um armazém em Guarulhos, e continuou a crescer desde então", diz Ricardo Knecht, gerente geral da Guardian Glass South America. "Este projeto demonstra a nossa confiança no País e está alinhado à nossa estratégia de crescimento de longo prazo. O aumento da capacidade de produção dará à Guardian Glass uma forte vantagem competitiva na região".
A fábrica de Porto Real iniciou suas operações em 1998 e, em 2010, instalou o avançado sistema Magnetron Sputter Coater, permitindo a produção de vidros de alta performance, como a linha Guardian Residence e o Guardian SunGuard® low-E, para aplicações comerciais e residenciais. A fábrica presta serviços de consultoria a clientes e fabricantes em todo o Brasil.
A Guardian Glass é uma importante unidade de negócios da Guardian Industries Corp e também opera uma fábrica de vidro float na cidade de Tatuí, em São Paulo.
 

Deixe seu comentário